Igreja de Nossa Senhora do Rosário

Capela de grande vulto em taipa, de construção muito rústica, teve sua construção iniciada provavelmente em 1744, e é característica da região de transição entre Minas e Goiás.

Igreja Matriz de Santo Antônio

Igreja matriz em taipa, cuja construção iniciou-se provavelmente por volta de 1730. A ausência de torres sineiras no corpo da igreja, como a sua composição volumétrica, a aproxima da arquitetura religiosa goiana, fato explicável pelo povoamento da região estar vinculado à expansão paulista para os sertões de Goiás. Destaca-se no interior o conjunto de sete retábulos, sendo os mais antigos e interessantes os do arco cruzeiro, em estilo joanino. Contrariamente a arquitetura, há uma total diferença entre os retábulos barrocos de Paracatu e os das cidades goianas.