A colonização do Estado de Minas Gerais pelos portugueses se deu logo depois do descobrimento do Brasil, nos séculos XVI e XVII. A descoberta de ouro e pedras preciosas naquela região atraiu muitos exploradores, que transformaram o Estado no centro econômico brasileiro da época. Hoje, não há mais abundância de ouro, mas restam outros tesouros, como as paisagens inesquecíveis, as construções históricas, montanhas, bosques, ar puro, lagos, cavernas, histórias e lendas.

- Cidade de Alvorada de Minas
- Cidade de Antônio Carlos
- Cidade de Barão de Cocais
- Cidade de Barbacena
- Cidade de Belo Horizonte
- Cidade de Belo Vale
- Cidade de Berilo
- Cidade de Bom Jesus do Amparo

Sua capital, a cidade de Belo Horizonte, é a quarta do País em população. Por ser uma cidade planejada, e pela riqueza de seus conjuntos arquitetônicos neoclássicos e modernos, Belo Horizonte representa também um marco para o urbanismo e para a arquitetura no País. Ademais, ela se transformou numa espécie de portão de entrada para as várias cidades históricas que o Estado abriga, como Ouro Preto e Sabará, Tiradentes, São João Del Rey, Mariana, e para as grutas da Lapinha – no município de Lagoa Santa – e do Maquiné, em Cordisburgo.

- Cidade de Caeté
- Cidade de Couto de Magalhães de Minas
- Cidade de Congonhas
- Cidade de Diamantina
- Cidade de Itabirito
- Cidade de Lavras

Desde a época colonial, o Estado de Minas Gerais destaca-se por sua diversidade cultural. Música, arquitetura, literatura e artes plásticas são algumas das áreas desenvolvidas com sucesso pelos artistas dali. Em algumas cidades as construções dos séculos XVII e XVIII são conservadas até os dias de hoje, e expressam a incomparável arte do barroco mineiro. A mais famosa delas é Ouro Preto, palco da Inconfidência Mineira – primeiro movimento pela independência do Brasil –, que assim como Diamantina e o Santuário de Bom Jesus de Matosinhos, em Congonhas do Campo, foi reconhecida pela Unesco como Patrimônio da Humanidade.

- Cidade de Manga
- Cidade de Mariana
- Cidade de Minas Novas
- Cidade de Nova Era
- Cidade de Ouro Preto
- Cidade de Paracatu
- Cidade de Sabará
- Cidade de São João Del Rei
- Cidade de Tiradentes

Detentora de variado relevo e vegetação, a região guarda ainda em seus vales e montanhas agradáveis destinos, como Governador Valadares, onde o vôo livre é a grande atração; Três Rios, ideal para os adeptos dos esportes de aventura, entre rafting, canyoning e práticas verticais; Parque Grande Sertão Veredas, aos interessados em visitação de grutas e cavernas; além de inúmeras cidades históricas adornadas no mais puro estilo barroco brasileiro, e onde habita uma gente cordial e hospitaleira.

Segunda economia do País – perdendo somente para o Estado de São Paulo –, o Estado de Minas Gerais também é conhecido por sua culinária – boa e farta –, famosa por quitutes como o pão-de-queijo e pratos típicos como tutu à mineira e frango ao molho pardo.