Capela de Nossa Senhora da Boa Morte

A capela primitiva (1796) cedeu lugar, em 1816, à construção de uma nova igreja, obedecendo a projeto datado do ano anterior (1815), data que hoje se acha esculpida no medalhão de cantaria azul, na portada do edifício. O partido da igreja veio sofrer, já em nosso século, em 1957, acréscimos e alterações, quando foram construídos anexos, ladeando a nave (lado da Epístola) e em ambos os lados da capela-mor. Destaca-se no interior o interessante conjunto de talha neoclássica, de desenho harmonioso e boa qualidade de execução, cuja significação é particularmente importante para Minas Gerais, onde são raríssimos exemplares desse estilo.

Fazenda do Registro Velho

A fazenda foi residência do Inconfidente Padre Manoel Rodrigues da Costa.

Igreja Matriz de Nossa Senhora da Piedade

Iniciada na primeira metade do século XVIII, a partir de risco do Sargento-mor José Fernandes Alpoim, teve sua construção arrastada por longos anos. A Igreja Nossa Senhora da Piedade de Barbacena apresenta partido arquitetônico com nave, capela-mor, ambas ladeadas por corredores e capelas laterais, tendo ao fundo a sacristia. Possui fachada simplificada em composição plana, com frontão movimentado em curvas e contracurvas, duas torres em pedra, destacando-se a portada com trabalho decorativo em pedra constituído de coroamento em "brisé" e nicho onde se vê a imagem da padroeira. Internamente, a Matriz tem decoração despojada, com talha ao gosto rococó.

Sobrado dos Andradas

Palco de reuniões históricas e decisões políticas importantes como a participação de Minas na Revolução de 30, o Solar dos Andrada é hoje um marco referencial na paisagem urbana de Barbacena. Situado no centro da cidade, é uma construção com características da primeira metade do século XIX. Consta que teria sido presente de casamento dos pais de Adelaide Lima Duarte ao genro, o paulista Antônio Carlos Ribeiro de Andrada. Desde sua origem, o Solar compõe-se de dois pavimentos, sendo que, inicialmente, apresentava partido retangular, mostrando uma capelinha anexa do lado esquerdo. Acréscimos em 1898 e 1937 deram o formato em "U" atual.