Casa natal do Marechal Deodoro da Fonseca

Casa térrea urbana onde nasceu, em 5 de agosto de 1827, o Marechal Manuel Deodoro da Fonseca, o Proclamador da República. Restavam apenas a fachada porta central e quatro janelas com beiral de beira-saveira. A casa natal do Marechal Deodoro da Fonseca, que se encontrava em ruínas na época do tombamento, foi reconstruída e abriga o Museu Marechal Deodoro da Fonseca.

Convento e Igreja de São Francisco

Foi fundado um pequeno convento para 12 monges, em 1635. Com a invasão dos holandeses os religiosos se refugiaram na Bahia e o convento ficou fechado até 1659. Em 1684, foi lançada a pedra fundamental do atual convento que foi concluído apenas em 1723. A capela-mor ficou pronta em 1692. Em 1908 passou a funcionar no convento o Orfanato São José.

As capelas franciscanas de ordem terceira são, na maioria, perpendiculares à igreja conventual como acontece em Recife, Olinda, João Pessoa, Iguarassu, Ipojuca e Sergipe, mas esta está em edifício isolado, ao lado da igreja conventual como também encontrados em Salvador. A data de construção da Igreja de Ordem Terceira é da segunda metade do século XVIII; em 1763 os seus alicerces já haviam sido lançados. Com o tempo sofreu muitas modificações mas sempre com a função de culto religioso.

A fachada principal é em estilo rococó e a lateral no estilo neoclássico. Essa variação é decorrência da construção que foi feita em etapas de acordo com as necessidades de uso e, com isso, teve sua volumetria original bastante alterada. O espaço interno é desorganizado, tendo aspecto inacabado. Vemos que o acesso ao púlpito e ao coro foram feitos de forma provisória e o arco-cruzeiro foi alterado em 1858. Em 1874, o piso da nave foi acimentado, a parede de fundo da capela-mor e a estrutura do telhado do consistório foram alterados e a espessura das paredes da sacristia foi reduzida. Acredita-se que galerias laterais seriam construídas, pois era uma característica do partido.

Convento e Igreja de Santa Maria Madalena

Sua construção iniciou-se em 1660, possivelmente no mesmo local onde existiu um humilde recolhimento de frades franciscanos. A edificação durou mais de um século, e seu frontispício só foi concluído em 1793. Este templo apresenta características do barroco do século XVIII. D e1821 a 1839, quando da mudança da capital para Maceió, parte do convento serviu de quartel militar às tropas vindas de Maceió.

Igreja de Nossa Senhora do Amparo

Fundada pela confraria de Nossa Senhora do Amparo, teve sua pedra fundamental assentada em 31 de agosto de 1757.

Igreja do Senhor do Bonfim

Situada em Taperaguá, sua fachada é inspirada nas igrejas franciscanas do Nordeste. Data do século XVII.